Site Coamo
Coamo Agroindustrial Cooperativa | Edição 397 | Agosto de 2010 | Campo Mourão - Paraná

Reconhecimento

Gallassini, cidadão de Corumbataí do Sul

Diretor-presidente da Coamo recebe homenagem do município. Título foi entregue em sessão solene da Câmara de Vereadores

Com grande orgulho e emoção, o diretor-presidente da Coamo, José Aroldo Gallassini, recebeu no dia 11 de agosto o título de Cidadão Honorário do município de Corumbataí do Sul. O título foi entregue em sessão legislativa reunindo cooperados, autoridades e lideranças locais.

O vereador Alexandre Donato foi o autor da proposição da honraria ao presidente da Coamo, aprovada por unanimidade pela Câmara Municipal presidida pelo vereador Willian Andrei Cabrera Albino. Donato justificou no seu pronunciamento a importância da homenagem pela comunidade corumbatiense. “Esta lei não homenageia somente o homem Gallassini, mas o administrador que impulsionou a pujança da Coamo e a colocou no mais alto pico da produtividade e do crescimento. Trata-se de uma pessoa, um líder que, com trabalho sério, organizado, pujante e audacioso, tem atuado em beneficio de milhares de produtores de Corumbataí do Sul e de várias regiões do Brasil”, disse.

Para o prefeito Osney Picanço, a homenagem é mais do que merecida, tendo em vista o trabalho e os resultados conquistados pelos associados da Coamo. “O Dr. Aroldo é motivo de orgulho não só para nossa comunidade, mas para todo o país. É um líder que, com idealismo e confiança veio na época certa e no momento certo, lançar a semente do cooperativismo para o bem comum.”

NOITE ESPECIAL – “Estou vivendo um dos meus dias muito especiais porque estou me tornando um filho de Corumbataí do Sul, um jovem e dinâmico município de apenas 23 anos de idade. Com muito orgulho e emoção, recebo esta honraria”, disse Gallassini. No seu pronunciamento, o presidente da Coamo lembrou do início das atividades da cooperativa em Corumbataí do Sul. “A Coamo está no Município desde 1983, quando ainda era distrito de Barbosa Ferraz. A cooperativa sempre acreditou e continua acreditando nesta terra que tem 50% da sua população vivendo no meio rural, integrando na sua maioria pequenas e médias propriedades”, afirma Gallassini.

O presidente da Coamo destacou a diversificação do município entre os maiores do Paraná na produção de maracujá, além da atividade pecuária e agrícola com a produção de milho, de soja e, principalmente a cultura do café, que ocupa 14% da área do município e representa praticamente 50% dos volumes de todo o café recebido pela Coamo.

RESULTADO – Em novembro, a Coamo irá completar 40 anos de fundação. Para Gallassini, são vários os motivos responsáveis pelo sucesso da cooperativa e dos seus associados. “O crescimento da Coamo é resultado de uma continuidade administrativa, muito trabalho, suor, visão estratégica, observância dos valores éticos e morais, e formação de uma equipe de funcionários profissionalizados e dedicados, em prol dos associados”, disse, acrescentando que “o crescimento da Coamo é resultado de associados que vivem na prática a filosofia cooperativista onde o bem comum se sobrepõe ao interesse particular”.