barra Site Coamo barra
Coamo Agroindustrial Cooperativa | Edição 368 | Dezembro de 2007 | Campo Mourão - Paraná

Agromercado

Margarina Coamo para a África

Cooperativa exportará 19 toneladas do produto para Angola, neste mês de dezembro

A partir deste mês a Margarina Coamo também estará na mesa dos consumidores da África. É que a cooperativa exportará 19 toneladas de margarina para Angola. O negócio foi efetivado este ano, durante a Feira Internacional da Associação Paulista de Supermercados (APAS), em São Paulo. “Devemos formalizar outros negócios visando o incremento das exportações de produtos alimentícios com a marca Coamo”, prevê Alcir José Goldoni, superintendente Comercial da Coamo. Ele revela que além do mercado nacional, os alimentos Coamo também já são encontrados nas mesas dos paraguaios.

Para o presidente da Coamo, José Aroldo Gallassini, a presença dos produtos da cooperativa no mercado internacional é resultado da confiança e da qualidade conquistada ao longo dos anos, atendendo as exigências do mercado consumidor. “Os investimentos realizados e as ações estratégicas efetivadas têm oportunizado o fortalecimento da nossa participação no mercado interno e a abertura de novos negócios no cenário internacional”, assegura.

O faturamento dos produtos alimentícios da Coamo vem apresentando crescimento constante e representa indicadores importantes na receita global anual da Coamo. Para 2008, a cooperativa deverá lançar novos produtos a partir do primeiro semestre, com ampliação na sua capacidade industrial.

Serviço – Para saber mais sobre os Alimentos Coamo e as fichas técnicas dos produtos, basta acessar www.coamo.com.br/alimentos ou ligar gratuitamente para o Atendimento Coamo ao Consumidor (0800-446161) no horário comercial.

Agroanálises

 

Soja
Ao final de um segundo semestre de fatores excelentes para o preço, várias indústrias estão encerrando suas atividades para esta safra. Deixando, com isso, o mercado regionalizado e com pouca demanda. De agora em diante o pensamento fica primeiro no clima para obtermos uma grande colheita e em segundo lugar para que as notícias continuem sendo favoráveis e que tenhamos bons preços para a próxima safra.

 



Milho
O mercado interno de milho encontrou uma acomodação neste período. Houve uma ausência por parte dos compradores, dando a entender que encontram-se abastecidos e no aguardo da safra nova. As noticias de uma possível liberação de importação por parte do CNTBio e os sucessivos leilões do governo federal, trouxeram o efeito desejado sobre as ofertas ainda disponíveis de milho junto aos produtores, comerciantes e cooperativas.



 

Trigo
Leve sinal de recuperação nos preços. Os moinhos voltaram ao mercado, porém, a disparidade entre compra e venda, limitando um maior volume de negócios. Com as incertezas no mercado internacional, há um certo equilíbrio entre oferta e demanda, de um lado a oferta se retraiu e vende apenas para atender necessidades imediatas, de outro a indústria já está abastecida até o início do próximo ano e também não tem urgência nas aquisições, resultando numa certa estabilidade nos preços.


 

Café
O mercado interno segue com ritmo lento. Produtores acreditando em melhores condições no mercado, devido aos baixos estoques mundiais, regulam o volume ofertado. Compradores, diante de uma demanda externa acomodada, estão presentes apenas para volumes isolados. O cenário futuro é de pouca oferta brasileira, porém no dia 19/12/07 o governo ofertará, através de leilão, 100.000 sacas de café beneficiado, limitando assim um maior avanço nas cotações dos cafés intermediários.

 

 

Indicadores Econômicos
VARIAÇÕES
jul/07
ago/07
set/07
out/07
nov/07
Acumulado
Período
Acumulado
12 meses
IGPM (% AO MÊS)
0,28% 0,98% 1,29% 1,05% 0,69% 4,63% 6,22%
TR (% AO MÊS)
0,15% 0,15% 0,35% 0,11% 0,59% 0,60% 1,53%
DÓLAR COMERCIAL (%AO MÊS)
-2,52% 4,50% -6,28% -5,16% 5,44% 0,33% -10,69%
TJLP (% AO MÊS)
6,25% 6,25% 6,25% 6,25% 6,25%
SOJA
11,92% 13,83% 12,15% 6,18% 12,01% 78,20% 142,63%
MILHO
16,00% 24,14% 13,33% 10,27% 28,43% 134,48% 197,60%
ALGODÃO
0,00% 0,00% 0,00% 0,00% 0,00% 0,00% 0,00%
TRIGO (PH 78)
3,85% 24,44% 4,46% 0,00% 8,68% 49,65% 83,47%

Poder de Troca mês a mês
MÁQUINAS/
INSUMOS X PRODUTOS
jul/07
ago/07
set/07
out/07
nov/07
MÉDIA DO
 PERIODO
MÉDIA ULT.
12 MESES
TRATOR NEW HOLLAND TM-135 - 125 CV (COMPLETO)
SOJA
4.356 3.980 3.524 4.337 3.294 3.980 4.882
MILHO
8.889 7.385 6.250 7.815 6.438 7.568 9.117
ALGODÃO (TIPO 6)
8.000 8.000 8.000 10.133 8.333 8.411 10.054
TRIGO (PH 78)
4.528 3.960 3.493 4.856 4.160 4.284 5.470
COLHEITADEIRA NEW HOLLAND TC 57 (COMPLETA)
SOJA
10.889 9.950 8.517 8.417 7.642 9.397 10.047
MILHO
22.222 18.462 15.104 15.167 12.446 17.497 18.663
ALGODÃO (TIPO 6)
20.000 20.000 19.333 19.667 19.333 19.722 20.622
TRIGO (PH 78)
11.321 9.901 8.443 9.425 9.651 10.103 11.217
PLANTADEIRA PSE 8 2S (COM CÂMBIO)
SOJA
1.528 1.396 1.236 1.113 1.173 1.331 1.396
MILHO
3.119 2.591 2.193 2.005 1.911 2.475 2.590
ALGODÃO (TIPO 6)
2.807 2.807 2.807 2.600 2.969 2.799 2.866
TRIGO (PH 78)
1.589 1.389 1.226 1.246 1.482 1.433 1.556
PULVERIZADOR COLUMBIA MAXTER FLOW
SOJA
1.422 1.000 1.150 1.117 1.123 1.257 1.305
MILHO
2.901 2.410 2.040 2.014 1.829 2.335 2.419
ALGODÃO (TIPO 6)
2.611 2.611 2.611 2.611 2.842 2.649 2.681
TRIGO (PH 78)
1.478 1.293 1.140 1.251 1.419 1.355 1.455
CALCÁRIO
SOJA
2 2 1 1 1 1 2
MILHO
3 3 2 2 2 3 3
ALGODÃO (TIPO 6)
3 3 3 3 3 3 3
TRIGO(PH 78)
2 2 1 2 2 2 2
Para o cálculo da pariedade dos produtos X máquinas e insumos foram utilizados os preços praticados no último dia do mês.