Site Coamo
Coamo Agroindustrial Cooperativa | Edição 392 | Março de 2010 | Campo Mourão - Paraná

Parceria

Os olhos da pesquisa

Encontro da Coamo é visto, por quem cria a tecnologia, como fundamental para o processo de interação, que é a base para as novas demandas do campo

Para a pesquisa oficial, o Encontro de Cooperados da Coamo é uma oportunidade para a busca de demandas por novos nichos de mercado. O diretor executivo da Cooperativa de Desenvolvimento Tecnológico (Coodetec), com sede em Cascavel, no Oeste paranaense, Ivo Marcos Carraro, diz que “a eficiência do agricultor é a alegria do pesquisador”. Ele define os dias de campo como uma via e mão dupla. “O produtor vem em busca das novidades e o pesquisador busca, nessa interação, novas demandas para a constante evolução do sistema produtivo”, destaca. Segundo Carraro, eventos como os realizados pela Coamo são verdadeiros exemplos de que a integração entre agricultor e pesquisador é geradora dos resultados positivos no campo. “É nessa troca de experiências que todos ganham. É o campo que ensina e aprende”, resume.

Na avaliação do diretor da Coodetec, a agricultura evoluiu muito. “Hoje a atividade é bem diferente do que na época dos nosso avós, e a tecnologia, sem dúvida, foi o grande divisor de águas dessa evolução”, salienta. Essa afirmação pode ser constatada, segundo o dirigente, pela eficiência na lição de casa feita pelo produtor rural durante a condução de suas atividades. “Em anos ruins, quem lança mão de boa tecnologia para produzir consegue se sair melhor. Consequentemente, em anos bons de clima essa diferença de rentabilidade e eficiência aumenta muito mais. Esse, portanto, é o grande segredo para o sucesso no campo”, completa.

TRANSFERÊNCIA – O chefe-geral da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Soja), de Londrina, no Norte paranaense, Alexandre Catelan, destaca a parceria entre a Coamo e a instituição, que existe a quase quatro décadas. “Em 40 anos de atividades a Coamo tem sido uma importante difusora de tecnologias”, considera. Na opinião do dirigente, a parceria é de oportunidades. “A Embrapa Soja e a Coamo são, na verdade, uma só quando o assunto é avanço tecnológico. Fazemos daqui uma ex-tensão de lá, e vice-versa. Trabalhamos em sintonia para buscar oportunidades de melhoria da renda do campo”, enfatiza Catelan.

Entre os avanços alcançados nos últimos anos, por meio das ações implementadas dentro da parceria Coamo e Embrapa, o dirigente destaca a rotação de culturas; os manejos de pragas, so-los e doenças; o controle biológico e a criação de novas cultivares de soja. “Foram tecnologias testadas e aprovadas aqui na fazenda experimental da cooperativa e que hoje são referências para a produção agrícola no país”, comemora.