Agricultura
Fênix:
Cooperados debatem tecnologias de verão

Encontro avaliou resultados e apontou metas para a região

Encontro contou com participação de 60 cooperados


Sales: ganhando espaço no mercado

Lago: informação para melhorar a exportação
Avaliar os resultados da safra de verão 2001/2002 e debater a próxima safra, apontando soluções para a melhoria de resultados com o uso de tecnologia. Estes foram os principais objetivos do 2º Encontro de Difusão de Tecnologias para Culturas de Verão, promovido pela Coamo no dia 20 de setembro, em Fênix, no Vale do Ivaí. O evento contou com a participação de dezenas de cooperados que foram orientados sobre o histórico municipal de produtividades; épocas de plantio e stand ideal para as cultivares de soja; tecnologia de aplicação de defensivos agrícolas; doenças da cultura da soja; plantas resistentes a herbicidas; e tecnologia:estabilidade e rentabilidade na atividade agropecuária.

A evolução das produtividades dos cooperados da Coamo tem sido constatada ano após ano, com o uso de tecnologias modernas e 

determinantes para o aumento do potencial produtivo. "Na última safra, na região de Fênix, a produtividade da soja registrou média de 124 sacas por alqueire, bem acima da média dos anos anteriores. No milho, os números também foram significativos, passando de 220 para as atuais 286 sacas por alqueire", informa o engenheiro agrônomo Luciano Rodrigues, encarregado do Detec da Coamo em Fênix.

O cooperado Edson Sales é um bom exemplo. Ele utiliza tecnologia e vem obtendo bons resultados com a lavoura de verão. Na última safra, Sales colheu uma média de 135 sacas de soja numa área de 50 alqueires - produtividade considerada a melhor dos últimos anos na sua propriedade. "Precisamos estar atentos ao avanço das tecnologias para crescer ainda mais em produtividade e conquistar o nosso espaço no mercado. Temos um solo privilegiado e em condições de produzir ainda mais. E este é o nosso desafio, elevar os limites da nossa produção", disse. 

Adoção do plantio direto, rotação de culturas, correção e conservação do solo, são algumas das práticas que vem sendo realizadas com sucesso na propriedade do cooperado Ozéias Rosa do Lago, que vê na informação uma importante ferramenta para a melhoria na produtividade. "A cada novo encontro na Coamo a gente cresce e aprende mais. Assim, vamos melhorando a nossa produção, observando o que a gente está fazendo corretamente e o que precisa ser melhorado para o sucesso da safra", assegura.

O engenheiro agrônomo e gerente da Coamo em Fênix, Antonio Carlos Mazzei compartilha com a filosofia dos produtores. "O cooperado da Coamo é participativo, vem ampliando as suas produtividades e está consciente de que com o uso de tecnologias pode incrementar ainda mais os potenciais produtivos das suas propriedades", argumenta Mazzei.