barra Site Coamo barra
Coamo Agroindustrial Cooperativa | Edição 354 | Setembro de 2006 | Campo Mourão - Paraná

Agromercado

Eficiência e logística no foco do agricultor

Para o economista José Roberto Mendonça de Barros, é indispensável que o produtor rural aprimore a gestão de riscos

Eficiência econômica e logística serão mais uma vez metas percorridas pelos produtores brasileiros no ciclo 2006/07. Para economista José Roberto Mendonça de Barros, os agricultores e pecuaristas deverão se concentrar na eficiência econômica. “É indispensável aprimorar a gestão de riscos”, afirma. Ele defende o uso mais sistemático dos títulos privados de crédito rural, que até junho deste ano movimentaram R$ 654 milhões, e a criação do seguro rural.

Segundo Mendonça de Barros, o comportamento do câmbio também será motivo de preocupação. Ele não prevê grande desvalorização do real frente ao dólar. “Não vamos mais ver dólar a R$ 2,80, a menos que haja uma forte crise no exterior”, disse. E observou que, “nos últimos dois anos, câmbio desfavorável e problemas climáticos e sanitários ‘comeram’ boa parte do capital de giro do setor”. Conforme a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), a renda do setor encolheu em R$ 24,8 bilhões (ou 12,9%) nos últimos dois anos, para R$ 167,3 bilhões.

Para a safra 2006/07, Mendonça de Barros prevê melhora nos segmentos de cana-de-açúcar e soja, graças à demanda por biocombustíveis. “Também deve haver melhora no mercado de carnes, com o fim de alguns embargos e a retomada das exportações”, afirmou. Ele acredita que nos estados do Centro-Sul a recuperação será mais rápida do que nas demais regiões, devido às facilidades logísticas e proximidade com portos.

Estrutura logística - Para Paulo Manoel Protasio, presidente da Associação Nacional dos Usuários de Transporte de Carga (Anut), a melhoria da estrutura logística é outro fator “fora da porteira” que se mantém como desafio. Na área rodoviária, 80% dos 45,5 mil quilômetros de estradas brasileiras  encontram-se em situação precária ou ruim. Para melhorar as condições dessas vias é necessário investimento de R$ 9,61 bilhões e o governo propõe investir R$ 1,5 bilhão por ano até 2009. “Neste ano, o orçamento é de R$ 700 milhões. Não há garantias de que esse cronograma será cumprido”, diz.

Na área portuária, segundo Protasio, é preciso elevar a capacidade de armazenagem
nos portos em 45,4 milhões de toneladas até 2011. Hoje a capacidade é de 90 milhões de toneladas. “Há uma demanda imediata de investimentos de R$ 7,5 bilhões, mas o governo demora em tomar decisões para atrair esses recursos”, criticou.

Cristiano Simon, presidente-executivo da Associação Nacional de Defesa Vegetal (Andef), e Sebastião Guedes, presidente do Conselho Nacional de Pecuária de Corte (CNPC), ressaltaram como outro desafio o controle fitossanitário, especialmente nas fronteiras. (Valor On Line)

Agroanálises

Indicadores Econômicos
VARIAÇÕES
abr/06
mai/06
jun/06
jul/06
ago/06
Acumulado
Período
Acumulado
12 meses
IGPM (% AO MÊS)
-0,42% 0,38% 0,75% 0,18% 0,37% 1,03% 2,44%
TR (% AO MÊS)
0,09% 0,02% 0,19% 0,18% 0,24% 1,10% 2,32%
DÓLAR COMERCIAL (%AO MÊS)
-3,83% 10,12% -5,92% 0,55% -1,72% 0,15% -9,52%
TJLP (% AO MÊS)
8,15% 8,15% 8,15% 7,50% 7,50%
SOJA
6,67% 10,87% 8,51% 8,51% 4,26% 57,80% 179,65%
MILHO
5,00% 11,43% 0,82% 11,82% 0,00% 31,90% 70,85%
ALGODÃO
0,00% 0,00% 0,00% 0,00% 0,00% 0,00% 0,00%
TRIGO (PH 78)
0,00% 0,00% 2,63% 2,63% 2,63% 8,10% 8,10%

Poder de Troca mês a mês
MáQUINAS/
INSUMOS X PRODUTOS
abr/06
mai/06
jun/06
jul/06
ago/06
MÉDIA 
DO
 PERIODO
MÉDIA ULT.
12 MESES
TRATOR NEW HOLLAND TM-135 - 125 CV (COMPLETO)
SOJA
6.237 6.392 6.939 6.939 6.875 6.570 6.398
MILHO
14.146 13.964 13.878 14.592 15.000 14.347 13.865
ALGODÃO (TIPO 6)
10.821 11.567 12.687 12.687 12.313 11.816 11.760
TRIGO (PH 78)
7.632 8.158 8.831 8.831 8.571 8.276 8.404
COLHEITADEIRA NEW HOLLAND TC 57 (COMPLETA)
SOJA
13.763 12.990 13.469 13.469 13.750 13.463 12.999
MILHO
31.220 28.378 26.939 28.326 30.000 29.477 28.265
ALGODÃO (TIPO 6)
23.881 23.507 24.627 24.627 24.627 24.192 23.912
TRIGO (PH 78)
16.842 16.579 17.143 17.143 17.143 16.949 17.080
PLANTADEIRA PSE 8 2S (COM CÂMBIO)
SOJA
1.774 1.701 1.684 1.684 1.719 1.713 1.673
MILHO
4.024 3.716 3.367 3.541 3.750 3.754 3.639
ALGODÃO (TIPO 6)
3.078 3.078 3.078 3.078 3.078 3.078 3.078
TRIGO (PH 78)
2.171 2.171 2.143 2.143 2.143 2.157 2.200
PULVERIZADOR COLUMBIA MAXTER FLOW
SOJA
1.563 1.498 1.609 1.527 1.596 1.551 1.481
MILHO
3.544 3.273 3.218 3.212 3.483 3.394 3.221
ALGODÃO (TIPO 6)
2.711 2.711 2.942 2.792 2.859 2.788 2.725
TRIGO (PH 78)
1.912 1.912 2.048 1.944 1.990 1.953 1.945
CALCáRIO
SOJA
2 2 2 2 2 2 2
MILHO
5 4 4 4 4 4 4
ALGODÃO (TIPO 6)
4 4 4 4 4 4 4
TRIGO(PH 78)
2 2 2 2 2 2 3
Para o cálculo da pariedade dos produtos X máquinas e insumos foram utilizados os preços praticados no último dia do mês.