Notícias Coamo


12/09/2017
AGRICULTURA
Área com soja terá aumento de 1,49% na Comcam, diz Deral

Com o fim do vazio sanitário no domingo (10), os produtores rurais começam a se movimentar para o início do plantio da safra 2017/2018 da soja na região da Comcam. Este ano, conforme o Departamento de Economia Rural (Deral), órgão ligado a Secretaria de Estado da Agricultura, a área com a oleaginosa terá um aumento de 1,49% em relação a 2016.
Segundo levantamento do órgão, os produtores vão plantar nesta safra 680 mil hectares contra 670 mil em 2016. Apesar da expansão da área, o volume de produção será menor: 2,3 milhões de toneladas contra 2,4 milhões em 2016. “No ano passado a produção foi atípica com um volume acima da média”, explicou o economista do Deral, Anderson Roberto dos Santos.
Apesar de o plantio estar liberado desde domingo, Santos acredita que será intensificado na região somente após a chuva. “A falta de chuva está sendo um sério problema para o início do plantio, e há previsão só entre os dias 23 e 24, e ainda pouco volume”, falou o economista.
Ele explicou que este ano haverá a interferência do fenômeno La Niña na região Sul, o que afetará as lavouras de verão com a seca. “O produtor terá que ficar muito atento com relação às condições climáticas”, alertou. Segundo Santos, se as previsões se confirmarem, a produção deverá sofrer redução na Comcam.
Preço
Segundo o Deral, um dos principais fatores que contribuíram para o crescimento da área com soja, são os preços da oleaginosa em relação ao milho, que teve a área reduzida pela metade (de 20 mil hectares em 2016 caiu para apenas 10 mil em 2017). O preço da saca de soja, 60 quilos, está cotado em média a R$ 58.
Apesar de ter desvalorizado significativamente em relação a 2016, quando a saca era comercializada entre R$ 80 e R$ 82, o preço ainda é considerado razoável.
Paraná
Principal produto plantado no Paraná durante o verão, a soja deverá ter área ampliada em 3% - ou 165,5 mil hectares. Passa de 5,2 milhões de hectares na safra anterior, para 5,4 milhões de hectares. Isso corresponde 91% da área plantada com grãos de verão. A produção esperada, em condições normais de clima, é de 19,5 milhões de toneladas - 2% menor em relação 2016/2017.
Segundo o Deral, na safra que começa, a opção do produtor é plantar mais soja porque o grão ainda oferece bons preços em comparação às outras culturas. Desde agosto do ano passado, o preço da soja caiu de R$ 68,17 a saca para R$ 56,92, devido à grande oferta mundial e também por causa do real mais valorizado frente ao dólar. Mesmo assim, o preço do produto é mais atrativo que outras culturas de verão como o milho e o feijão.
Fonte: Jornal Tribuna do Interior
COAMO Agroindustrial Cooperativa

Rua Fioravante João Ferri, 99, Jardim Alvorada, Caixa Postal 460, CEP: 87308-445
Campo Mourão - PR

PABX: (44) 3599-8000 / 3201-8000
Telefax: (44) 3599-8001 / 3201-8001
Icone IPv6
© 2016 COAMO Agroindustrial Coooperativa - Todos os direitos reservados.
Logo BLZ