Notícias Coamo


14/11/2017
INFORMATIVO COAMO
Técnico da Coamo revela panorama da safra na região de Toledo, Oeste do PR
Volume de chuvas preocupou produtores no estabelecimento da lavoura

Atraso no plantio por falta de umidade e alta intensidade de chuva no arranque da lavoura. Esses foram alguns dos problemas enfrentados neste ano pelos sojicultores, na maioria das regiões produtoras da oleaginosa.
 
Na região Oeste do Paraná, onde geralmente são semeadas as primeiras áreas de soja, os cooperados Coamo já estão realizando o manejo de plantas daninhas, depois de um inicio de safra preocupante, motivado pela instabilidade climática.
 
O engenheiro agrônomo Itamar Leandro Sus, encarregado do departamento de assistência técnica da cooperativa em Toledo, esclarece que apesar das dificuldades deste inicio de trabalho a expectativa é das melhoras para a sequência do ciclo agrícola.
 
VISÃO GERAL - No Oeste do Paraná, em Toledo, Dois Irmãos e Vila Nova, que são distritos do município, 100% das áreas de soja estão em fase de desenvolvimento vegetativo. Comparando com outras regiões, no Centro do Paraná, por exemplo, esse percentual é de 31%. Na região Sul da Coamo, que compreende alguns municípios de Santa Catarina e do Paraná, na divisa entre os dois Estados, 29% da área plantada já emergiu. No Centro Sul 16%. No Norte do Estado 84% já se encontram na mesma condição de desenvolvimento, 81% no Centro-Oeste, 66% no Noroeste e 41% no Centro-Norte. Já em Mato Grosso do Sul 39% da área de cultivo está em fase de desenvolvimento.
 
Serviço: para ouvir o programa que foi ao ar na manhã de hoje CLIQUE AQUI.
COAMO Agroindustrial Cooperativa

Rua Fioravante João Ferri, 99, Jardim Alvorada, Caixa Postal 460, CEP: 87308-445
Campo Mourão - PR

PABX: (44) 3599-8000
Telefax: (44) 3599-8001
Icone IPv6
© 2016 COAMO Agroindustrial Coooperativa - Todos os direitos reservados.
Logo BLZ