Notícias Coamo


03/06/2020
COOPERATIVISMO
Diretoria Executiva da Credicoamo com foco no fortalecimento dos cooperados

Na Assembleia Geral Extraordinária (AGE) no dia de 28 de outubro de 2019, os associados da Credicoamo aprovaram mudanças no Estatuto Social e uma nova estrutura de Governança Corporativa, e na Assembleia Geral Ordinária de 19 de fevereiro, o presidente do Conselho de Administração da Credicoamo, José Aroldo Gallassini, apresentou aos associados a Diretoria Executiva da Credicoamo.  Alcir José Goldoni é o presidente Executivo, Dilmar Antonio Peri, diretor de Negócios, e José Luiz Conrado, diretor de Controladoria.
Goldoni é funcionário com mais de 40 anos de serviços junto à Coamo e à Credicoamo. “Antes de entrar na Coamo, trabalhei por quase oito anos em bancos, onde vivenciei toda a parte bancária de uma agência, dos serviços iniciais até uma gerência. Quando entrei na Coamo, em 1978, fiquei 28 anos na área Financeira, sendo 20 deles como gerente Financeiro. Na sequência, fui para a área Comercial, onde permaneci por 13 anos no cargo de superintendente, e agora, tive a honra de ser convidado para assumir a presidência Executiva da Credicoamo”, relata.
Porém, a ligação dele com a Credicoamo vai mais além. “Participei da constituição da Credicoamo e continuei como coordenador Técnico até 2007, quando fui para a área Comercial. Começamos os estudos em 1987 e inauguramos a cooperativa de crédito em 1989. Foi um trabalho objetivando o futuro, com a visão e estratégia do Dr. Aroldo de buscar recursos para o próprio associado se financiar. A modelagem para isso foi a criação de uma cooperativa de crédito.”
A nova diretoria Executiva da Credicoamo precisou ser homologada pelo Banco Central, conforme esclarece Goldoni. “Por se tratar da autoridade monetária responsável pela condução do mercado financeiro do país, o Banco Central, tem a responsabilidade de acompanhar as instituições financeiras e saber quem são as pessoas que trabalharão com o dinheiro do público. Para isso, existe um processo, onde autoriza-se a constituição de uma cooperativa de crédito e, também, avalia os diretores. Para isso, é preciso formalizar uma carta propósito ao Banco Central, para que o órgão avalie o perfil, conhecimento e todas as demais informações da vida de cada diretor.”
Goldoni explica a estrutura da Diretoria Executiva da Credicoamo. “Estarão neste modelo de gestão dois diretores, sendo na diretoria de Negócios, Dilmar Peri, que tem quase 14 anos de trabalho junto à Credicoamo e, na diretoria de Controladoria, José Luis Conrado, com mais de 30 anos. Eles conhecem o mercado e, principalmente, a Credicoamo. Tenho certeza de que juntos vamos fazer um processo virtuoso para a Credicoamo atender na plenitude o seu dono que é o associado.”
Segundo o presidente Executivo, a Credicoamo manterá a forma de trabalho que vem sendo sucesso de gestão há 30 anos, dando continuidade ao trabalho de informatização dos serviços. “O mercado financeiro vem se informatizando e a concorrência está alta. Temos que nos adaptar a isso, uma vez que, a partir de 2009, com a Lei Complementar 130, que foi um marco regulatório para as cooperativas de crédito, se permitiu a abertura de mais serviços e produtos. Hoje, as cooperativas deste ramo estão profissionalizadas e conscientes da responsabilidade e obrigações junto aos associados e, com isso, o Banco Central vem liberando, cada vez mais opções de produtos. Dentro disso, vem as plataformas digitais, e temos que nos preparar para fazer frente aos bancos digitais e a todos os produtos que esse mercado está oferecendo. Estamos de olho nisso e queremos que o associado opere com a Credicoamo em qualquer lugar que ele esteja e da melhor forma possível”, garante Goldoni.
ALCIR JOSÉ GOLDONI, presidente Executivo
Assumiu dia 19 de fevereiro deste ano como presidente Executivo da Credicoamo. Mas sua história no cooperativismo foi iniciada em novembro de 1978 quando foi admitido na Coamo na área Financeira, onde permaneceu por 28 anos, dos quais 20 como gerente Financeiro. Na sequência, foi promovido a superintendente Comercial tendo atuado por 13 anos nesta área. Na Credicoamo, também atuou como coordenador Técnico participando dos trabalhos de constituição da cooperativa em 1989. É graduado em Administração de Empresas, com especialização em gestão financeira.
DILMAR ANTONIO PERI, diretor de Negócios
Com mais de 30 anos na área Financeira, é formado em Administração para Bancários e em Administração de Empresas. Entrou na cooperativa em fevereiro de 2006 como gerente de Produção, cargo que ocupava antes da promoção para ser diretor de Negócios da Credicoamo. É membro do Fundo Garantidor do Cooperativismo de Crédito (FGCoop).
JOSÉ LUIZ CONRADO, diretor de Controladoria
Graduado em Ciências Contábeis e Administração de Empresas, com especialização em Gerência Contábil e Auditoria e MBA em Planejamento Financeiro em Cooperativas de Crédito. Ingressou na Credicoamo em abril de 1992 como contador, sendo promovido em 2001 para gerente e em 2006 para gerente Administrativo. Antes da Credicoamo, trabalhou durante oito anos na Coamo (1984 a 1992) nas áreas Administrativa, Fiscal e Contabilização.
 
COAMO Agroindustrial Cooperativa

Rua Fioravante João Ferri, 99, Jardim Alvorada, Caixa Postal 460, CEP: 87308-445
Campo Mourão - PR

PABX: (44) 3599-8000
Telefax: (44) 3599-8001
Icone IPv6
© 2016 COAMO Agroindustrial Coooperativa - Todos os direitos reservados.
Logo BLZ